Business & Industry

Ago 1, 2017

A NOVA CORRIDA AO OURO

O século XXI estabeleceu uma nova revolução na indústria de energia, com a crescente utilização de lítio para alimentar quase tudo no mundo. O que costumava ser um "pato feio" na mineração do metal é agora a estrela da última corrida do ouro.

Até o final do século XX foi usado principalmente na produção de cerâmica e vidro e em graxas para lubrificação de peças de máquinas. No final do século XX, o professor e físico John Bannister Goodenough identificou e desenvolveu a bateria recarregável de iões de Lítio, que mudou para sempre o mundo da energia.

Hoje, o carbonato de lítio é a principal fonte de energia para smartphones, tablets e todos os tipos de gadgets. Mas a verdadeira atracção para os investidores, hoje em dia, é o emergente sector de veículos elétricos e híbridos.

O aparecimento de empresas como a Tesla, e o crescente interesse de outras marcas de automóveis no desenvolvimento de soluções alternativas, não poluentes, conduziu a uma verdadeira "corrida do ouro" e ao aumento do preço do Lítio nos mercados internacionais. A própria Tesla já começou a construir sua própria fábrica de baterias de Lítio que espera chegar à máxima capacidade de produção em 2018.

Um dos melhores lugares do mundo para a extracção de Lítio são as vastas salinas do deserto de Atacama, no Chile. É uma faixa de 600 milhas de extensão, entre o Oceano Pacífico e a Cordilheira dos Andes. É deserto mais árido não-polar do mundo, hostil à vida humana.

Nesta região, vinte e quatro horas por dia, todos os dias do ano, uma solução salgada, rica em Lítio, é bombeada do fundo do deserto para piscinas de evaporação.

O resultado é uma salmoura concentrada que é, então, conduzida em pequenos camiões para processamento em fábricas na costa do Chile. Nestas fábricas, essa salmoura é refinada em pó e embalada em grandes sacos brancos antes de serem enviados para todo o mundo.

O Lítio tem sido descrito por muitos como "petróleo branco" e considerada a melhor alternativa para afastar o mundo da sua dependência dos combustíveis fósseis para uma nova era energética de baterias.

Acordos internacionais sobre o clima, constrangimentos económicos nas normas de utilização de combustível e a tentativa da China para parar a sua crise de poluição todos apontam para um futuro em que as baterias irão desempenhar um papel importante.

Porquê Lítio?

Baterias de iões de Lítio são mais leves, carregam mais rápido e são capazes de armazenar mais energia do que as tradicionais, tornando-as um forte candidato para substituir a gasolina como fonte primária de combustível nos transportes. Além disso, o tamanho do mercado global de lítio pode triplicar até 2025, de acordo com os analistas da Goldman Sachs, em Dezembro de 2015.

Extrair e refinar a matéria-prima é um processo demorado, e outras tecnologias para baterias que poderiam destronar o Lítio no espaço de uma década ou duas estão em desenvolvimento. Mas até mesmo os cépticos admitem que o material provavelmente se tornará cada vez mais importante com o avanço da adopção de veículos elétricos para produção em massa. A China sozinha, onde o governo estabeleceu uma meta de 5 milhões de veículos elétricos e híbridos na estrada até 2020, poderia reformular a curva da procura.

Para Peter Bruce, professor na Universidade de Oxford, a China desempenhará um papel crucial na redução do custo das baterias de iões de Lítio dada a sua produção em larga escala de baterias para armazenagem de electricidade, da mesma forma que fornecimento chinês ajudou a reduzir os preços dos painéis solares fotovoltaicos.

Sob o salar, o Chile tem Lítio suficiente para abastecer o mundo por décadas, mas as quotas do governo têm falhado no aumento da produção mesmo quando a procura aumentou.

Para o Chile, esta deve ser uma boa notícia. O país tem metade das reservas "economicamente exploráveis" deste metal, e é o produtor de mais baixo custo do mundo. Para a produção de Lítio, o Chile é como o "ElDorado" do século XXI.

Mais artigos

DestaquesArtigos

  • Furoshiki

    Home & Design

    Jun 1, 2017

    EMBRULHE OS SEUS PÉS

    Furoshiki é o nome da arte tradicional japonesa de embrulhar objectos em pano. Agora, pela mão da marca italiana Vibram, esta arte é também aplicável aos pés.  

  • 1.-FIFAs-World-Cup-Opens-The-Door

    Business & Industry

    Fev 1, 2018

    MUNDIAL DA FIFA ABRE PORTAS

    Curiosamente, para a realização dos dois últimos Campeonatos do Mundo de Futebol (2010 e 2014) e o que se realiza este ano, a FIFA escolheu pela primeira vez 3 países classificados como BRICS: África do Sul em 2010, o Brasil...

  • Diane-Van-Furstenberg-10099DVFSVABB_A1

    Luxury & Fashion

    Abr 1, 2017

    O MUNDO EM COLLANTS

    Lisos, com laços, bolas ou em renda, rasgados, de rede, brilhantes, opacos ou transparentes, com ou sem ligas, de descanso, push up ou especiais para grávidas, os collants são hoje uma peça de vestuário indispensável, que...


  • 912d9143bd63a2b40a0d28f3929fe883

    Culture & Art

    Mai 1, 2017

    ESCULPINDO A MÃE NATUREZA

    Apaixonado pela história natural, fauna e flora dos lugares que lhe são mais queridos, África e Oceânia, Gordon Pembridge, é um mestre na arte de esculpir a Mãe Natureza. De troncos de madeira nascem verdadeiras obras de arte,...

  • agua-de-coco-genuine-coconut-abrefacil

    Food & Beverage

    Ago 1, 2017

    VÁ PELO ORIGINAL

    Apetecia-lhe um saltinho rápido até àquela praia tropical de que tanto gostou durante as férias do ano passado? E o sabor refrescante daquela água de coco que ainda sente na boca? Acha que estou a brincar consigo?

  • Depositphotos_8485784_xl-2015

    Food & Beverage

    Ago 1, 2017

    SEMENTES SEM COPYRIGHT

    A impressionante senda legislativa mundial chegou ao mais trivial dos produtos: os alimentos. É a mais recente tentativa do Homem, de se apoderar e controlar elementos da natureza.


  • 15195938972_495e152d7e_o

    Technology

    Abr 1, 2016

    Fechaduras Electrónicas Mais Seguras

    As chaves são parte integrante do dia-a-dia: transportá-las, usá-las, perdê-las e pagar para fazer chaves novas. Os smartphones tornaram-se uma parte igualmente indispensável das nossas vidas, sendo o caminho natural combinar...

  • Stadium-Foods-One-Mad-Sport-1

    Food & Beverage

    Jan 1, 2018

    UMA LOUCURA DESPORTIVA

    Ninguém tem investido tanto em termos de tempo e originalidade na criação de alimentos deliciosos destinados a serem consumidos em estádios de futebol – por vezes até confeccionados e servidos nos parques de estacionamento...

  • rugby1

    Sport

    Nov 1, 2016

    CORRER PARA O ENSAIO - "GET INTO RUGBY"

    Muitos pais ficam preocupados quando os filhos querem praticar rugby. Normalmente, pensam que o rugby é um desporto muito duro e ficam incomodados com a possibilidade de lesões como partir algum osso ou mesmo situações mais graves....