Business & Industry

Dez 1, 2017

O MELHOR DO MUNDO

O arquipélago de S. Tomé e Príncipe tem das melhores condições do mundo para a produção de cacau. Após um longo período de fraca produção, começaram a surgir em São Tomé e Príncipe, há pouco mais de cinco anos, algumas iniciativas com o objectivo de relançar a cultura de cacau no arquipélago. 

<

Por ALFREDO MIRANDA

Até 2020, o país espera alcançar uma produção de, pelo menos, 10 mil toneladas por ano.

Após a nacionalização das "roças" (quintas) de cacau, em 1975, a produção diminuiu. Hoje, essas unidades de produção foram privatizadas e estão a contribuir para o desenvolvimento do país. Actualmente, a produção do país, que chegou a ser de 12 mil toneladas por ano, ronda as três mil toneladas.

O país foi em tempos o maior produtor mundial de cacau, diz António Dias, director da CECAB, Cooperativa de Produção e Exportação de Cacau Biológico e ex-ministro da Agricultura de S. Tomé.

Mas se o volume já não é tão grande, a qualidade pode compensar. São Tomé produz um chocolate, reconhecido internacionalmente como um dos melhores do mundo. Um dos responsáveis é o italiano Cláudio Corallo que investe na produção artesanal do chocolate que leva seu nome que, desde 2002, fabrica e vende chocolate de luxo, feito com o cacau de suas plantações e reconhecido internacionalmente.

Ainda hoje o cacau representa cerca de 90% ou mais do valor total das exportações. Segundo o economista Adelino Castelo David, ex-ministro e ex-governador do Banco Central, "o valor do cacau exportado foi sempre superior ao de serviços até 1992, período em que a situação começou a inverter-se até o aumento dos serviços, que compreende também viagens e turismo, que vêm crescendo gradualmente". Hoje a grande fatia do emprego no sector agrícola é no cacau.

Poderia ter sido feita uma "certa negociação da parte económica da independência", mas as plantações foram abandonadas, "então teve que se fazer uma tomada à força", comenta o economista Jorge Coelho, 56 anos, ex-candidato à Presidente da República. "Com a estatização da economia, toda a produção de cacau ficou na mão do Estado. Mas o Estado tentou gerir a produção de cacau de forma centralizada e foi ineficiente", considera.

O cacau era e poderá voltar a ser o petróleo de São Tomé, a sua maior fonte de riqueza, mas ao longo destes 40 anos a produção quase que morreu, sublinha o artista plástico Kwame de Souza. "Esqueceu-se que se criou uma sociedade à volta do cacau" e que as comunidades que viviam da agricultura empobreceram, empobrecendo assim o país, que passou a depender da ajuda externa.

Em 2014, a venda de cacau rendeu nove milhões de dólares, representando 93,9% das exportações de produtos agrícolas. Contudo, ainda é necessário apostar na qualidade e não na quantidade.

São Tomé representa uma «gota no oceano» da produção de cacau (a Costa do Marfim produz acima de um 1,5 milhões de toneladas) e, por isso, tem de apostar na qualidade. "É essa aposta que se tem vindo a fazer para que seja o primeiro produtor na qualidade do cacau; mesmo ao nível dos mercados internacionais existem nichos e fazendo apostas estou convencido que pode contribuir um pouco mais para economia", salienta Adelino Castelo.

"De facto é preciso que o governo faça apostas, por exemplo no cacau de qualidade, evitando-se a super-produção, e investindo na criação de estruturas fabris que transformasse o cacau em chocolate. Falta trabalho de casa", resume.

HÁ PROCURA DE INVESTIMENTO

O Governo são-tomense está a mobilizar meios financeiros para projectos estruturantes, particularmente nas áreas de porto e aeroporto, turismo, prestação de serviços e transportes.

"Somos um país extremamente dependente da ajuda internacional, vamos tentar reorientar alguns projectos e procurar que se aumente o volume da ajuda", explica o Primeiro-Ministro são-tomense, Patrice Trovoada.

O responsável são-tomense quer uma espécie de casamento entre o investimento privado em parcerias público-privada nessas áreas e o apoio da comunidade internacional na superação daquilo que considera de "fraquezas do país", nomeadamente a luta contra a pobreza extrema, a corrupção, melhorar a justiça, saúde pública e qualidade de educação.

Entre os projectos estruturantes, está o alargamento da pista e a modernização do aeroporto internacional de São Tomé e o porto de águas profundas.

Mais artigos

DestaquesArtigos

  • Depositphotos_8751638_xl-2015

    Science & Nature

    Mar 1, 2017

    DESCOBERTAS CIENTÍFICAS DE 2016 - UM UNIVERSO MAIS CLARO

    O passado ano foi fértil em descobertas e avanços científicos que, ainda há pouco tempo, pareciam miragens. Graças a algumas delas, detalhes sobre o passado, o presente e o futuro da Humanidade podem agora ser vistos de forma...

  • 1st-Sydney-TonerPave-Street-Sept14-3(1)

    Business & Industry

    Abr 28, 2018

    RECICLAR, REUTILIZAR, REPAVIMENTAR

    O e-lixo é um problema crónico e global de poluição. Relatórios da United Nations University demonstram que apenas 20 por cento do e-lixo gerado, é depois colocado em programas oficiais de reciclagem

  • 8a646f742c77951a59ebabda7e074782

    Home & Design

    Jul 1, 2017

    PISCINAS ESCONDIDAS

    Você é o bem-sucedido proprietário de uma pequena, simpática e agradável casa, e o seu sonho é ter uma piscina para aqueles dias quentes, mas não tem o espaço que precisa no seu pátio?


  • Zinco03

    Business & Industry

    Ago 1, 2017

    Gronelândia: A Derradeira Jazida de Zinco

    A Ironbark está actualmente a desenvolver três projectos na Gronelândia, destacando-se de longe a prospecção da mina de zinco e chumbo em Citronen. A multinacional australiana começou a aprofundar o projecto para a exploração...

  • Tim-Bengel-Schlossplatz-Stuttgart-2015

    Culture & Art

    Ago 1, 2017

    AREIAS DOURADAS

    Quando se atinge uma certa idade, começamos a pensar que já vimos de tudo na vida. Podemos até pensar que não existe mais nada para criar ou para realizar de forma diferente. E depois há estas súbitas surpresas. Belas surpresas.

    ...

  • nokia-3310-comparaison

    Technology

    Jun 1, 2017

    PARA OS NOSTÁLGICOS

    Se existe um telefone que desperta nostalgia, esse telefone é o Nokia 3301. É um dos telefones mais populares de sempre, relembrado por sua quase indestrutibilidade, bateria de longa duração e o lendário jogo Snake (bom, Snake...


  • 1

    Food & Beverage

    Jul 1, 2015

    Better health with better food

    In 1935 the probiotic industry gained a new and active element in the family: YAKULT, the probiotic drink that revolutionized the world of probiotics. Today spread around the world, Yakult helps you keep your health in place.

  • Technology

    Abr 1, 2015

    True pioneers

    For years Pioneer has introduced innovative and high quality products into the market. A world-first in many ways, the japanese company has been through several changes over the years, but kept the original philosophy that gave birth...

  • 6

    Business & Industry

    Jun 1, 2015

    From steel to sustainability

    Aperam South America integrates the Aperam Group. It is the sole producer of flat-rolled stainless and electrical steels in Latin America, and it also produces flat-rolled special carbon steels. It is the leading company in the Brazilian...