Culture & Art

Mai 1, 2017

ESCULPINDO A MÃE NATUREZA

Apaixonado pela história natural, fauna e flora dos lugares que lhe são mais queridos, África e Oceânia, Gordon Pembridge, é um mestre na arte de esculpir a Mãe Natureza. De troncos de madeira nascem verdadeiras obras de arte, acessíveis apenas aos bolsos mais abastados.

<

Gordon Pembridge é um artista com dupla nacionalidade, queniana – onde nasceu e viveu os primeiros dez anos de vida – e neozelandesa, onde reside actualmente. Durante o tempo em que viveu no Quénia, teve a sorte de poder usufruir, descobrir e aventurar-se no mato e nas selvas africanas, desenvolvendo uma grande paixão pela história natural desses locais mágicos.

Mais tarde, o artista passaria a viver com a família em Wanganui, na Nova Zelândia, onde frequentou uma escola de arte, fez vários cursos de design e escolheu seguir uma carreira dedicada à fotografia. Actualmente, a vida profissional levou-o a desenvolver outras competências, ligadas ao design gráfico, design 3D, belas-artes, ilustração, imagem digital e, claro, à fotografia.

Na Nova Zelândia, Gordon foi invadido pela beleza imensa da natureza local, da sensação ímpar de desfrutar de um ar literalmente livre, onde aproveitou para se dedicar a outro tipo de actividades, como a caça, a pesca e o mergulho. Durante o seu crescimento num local tão privilegiado, Gordon dizia «sinto-me como se tivesse nascido para amar cada arbusto da Nova Zelândia, a sua flora e fauna únicas».

Da mesma forma que apreciava a Mãe Natureza e as suas árvores, o artista pensava na madeira, no valor e na utilidade desta, tornando-se grande apreciador do woodturning – ou a arte de esculpir a madeira.

Resolveu então ligar as duas paixões, retratando cenas da natureza selvagem do Quénia que trouxe na memória e da Nova Zelândia, onde vive e que continua a explorar, dando assim vida a vasos impressionantes e únicos, elaborados em madeira esculpida que incorporam elementos da história natural destes lugares.

A maior parte da madeira que usa para esculpir os vasos é obtida a partir das árvores abatidas por tempestades, que depois molda com um torno. Todavia, a verdadeira magia acontece quando esculpe meticulosamente animais em cenas da vida selvagem incrivelmente detalhadas, usando apenas um gravador de madeiras de alta velocidade.

Um trabalho que se completa com a aplicação de cor. Gordon é especialista em composições e montagem de cores que aplica com um aerógrafo - um instrumento utilizado para elaborar pinturas e gravuras por meio da pulverização proveniente de uma fonte de ar comprimido.

A sua primeira aventura em woodturning aconteceu em 2004, na "South Auckland Woodturners Guild", a maior e mais conceituada Associação de Woodturners da Nova Zelândia, fundada em 1988. Foi lá que Gordon desenvolveu uma série de peças finas, construídas como que com uma fenda perfurada, com tamanho detalhe que se tornaram peças ímpares e, consequentemente na sua assinatura.

Explorar os limites do woodturning é um desafio para este artista, no mínimo singular. Depois de escolher e trabalhar a madeira, segue-se a escultura de desenhos intrincados feita manualmente na madeira, conferindo uma nova vida à Mãe Natureza, particularmente bela, nos locais onde teve e tem a sorte de nascer e crescer. «Assim, mesmo que algo aconteça a esta história natural, que merece todo o nosso respeito, pois tem uma vida própria que o Homem jamais conseguirá dominar, ela ficará para sempre esculpida na minha memória e nestes vasos, no caso de quem, como eu, a quiser guardar», explica Gordon.

A aventura está-lhe no ADN, pelo que Gordon não pára de explorar novos caminhos, artes, influências e técnicas. Recentemente, começou a elaborar gravuras manualmente, mas em aço e metais preciosos. Pelo caminho arrecadou prémios como o "Supreme Exhibit, Royal Easter Show 1st Ornamental", em 2016 e o "Supreme Exhibit in Show, Royal Easter Show, Auckland, New Zeland", em 2014. Participa igualmente em exposições, a última foi em 2016, na "SOFA Chicago, World Art Dubai Gallerique, Roal Easter Show", com o tema: "Turned Sculpted Wood".

Se ficou curioso e quer adquirir uma peça de Gordon, pode fazê-lo através do endereço electrónico: gordon@gordonpembridge.com. Tenha presente que são peças únicas, cujo preço não é acessível a qualquer bolso, mas com valor incalculável.

Contacts – Contactos:

Gordon Pembridge Design Ltd

Waiuku 2123

New Zealand

Tel.: 021 129 4478

Email: gordon@gordonpembridge.com

Mais artigos

DestaquesArtigos

  • 7ca7cf5fff31dbb91763cd309e05c8a6

    Business & Industry

    Mai 1, 2017

    ROLHAS QUE FAZEM BONS VINHOS

    Um bom vinho cai bem em qualquer ocasião. Porém, os cuidados necessários para que o gosto seja perfeito, como a escolha de uma boa rolha de cortiça, são detalhes tidos em conta apenas pelos consumidores mais exigentes. Em Itália...

  • Tim-Bengel-Schlossplatz-Stuttgart-2015

    Culture & Art

    Ago 1, 2017

    AREIAS DOURADAS

    Quando se atinge uma certa idade, começamos a pensar que já vimos de tudo na vida. Podemos até pensar que não existe mais nada para criar ou para realizar de forma diferente. E depois há estas súbitas surpresas. Belas surpresas.

    ...

  • Li-HongBo-Klein-Sun-AM-41

    Culture & Art

    Abr 1, 2017

    LI HONGBO - BUSTOS FLEXÍVEIS

    Maleável como um dançarino de breakdance é assim que surge o busto de Michelangelo no trabalho intitulado "Tools of study", do artista chinês Li Hongbo, feito apenas com papel e cola. Tratam-se de esculturas de papel, mas...


  • prototipo-de-drone-ambulancia_488971

    Technology

    Ago 1, 2017

    É um pássaro?... É um avião?... É um drone!

    Capazes de captar imagens dos locais e ângulos mais inacessíveis e inesperados, os drones estão cada vez mais acessíveis aos adeptos de novas tecnologias com gosto por vídeo e fotografia. 

  • 4

    Technology

    Out 31, 2018

    ECRÃS FLEXÍVEIS ROYOLE

    "Muitas vezes é o caso de avanços tecnológicos, que são de alguma forma interessantes, mas depois passam muito tempo na fase de protótipo. Os detalhes costumam ser complicados, mas a Royole mostrou algumas telas flexíveis...

  • IMG_4878_1950x

    Helthcare & Wellness

    Abr 21, 2018

    MÁS VIBES, BOAS VIBES

    Claro! Andar de bicicleta em vez do carro e até mesmo um transporte público, é uma boa atitude para a sua saúde pessoal e comum. Certifique-se apenas que o faz da forma certa


  • 01

    Business & Industry

    Fev 1, 2017

    NOVOS PARÂMETROS DA INDÚSTRIA MEDIÁTICA

    Com o mote: "Afirmar o Jornalismo", o Cinema de São Jorge, um dos mais prestigiados e antigos de Portugal (a abertura data de Fevereiro de 1950), recebeu o "4º...

  • Luxury & Fashion

    Set 1, 2015

    Nature at Tiffany's

    Tiffany. Who doesn't know the renowned brand of jewelry? Tiffany, ever since its founding, has been at the forefront of the world's greatest design movements. By the turn of the twentieth century, Louis Comfort Tiffany emerged as an...

  • Royal Caribbean International

    Lifestyle & Travel

    Mar 1, 2015

    New Residents at Sea

    The growing community of seagoers couldn't be happier. Until 2020 they will witness an increase in 76.818 berths onboard the twenty six new ships so far announced by major cruise lines and new players. Today we give you a taste of the...