Culture & Art

Mai 1, 2017

PERSONALIZANDO A TECNOLOGIA COM ARTE

Roldanas, rodas dentadas, Zepelins, lentes e latão dourado. O SteamPunk propõe uma história alternativa onde a tecnologia se mistura com arte para ser mais humana. O movimento Arts and Crafts acabou finalmente por se fundir com a tecnologia da revolução industrial. 

<

Ciclicamente surgem nas sociedades movimentos culturais revivalistas. Dizem os sociólogos e antropólogos que isso se deve a crises existenciais colectivas, ou sócio existenciais. Podem ou não coincidir com crises económicas, mas quase sempre se devem a dificuldades em projectar um futuro comum. Há também quem diga que é normal e que são apenas momentos em que as sociedades reavaliam o seu passado, ou o reinventam para dar sentido e coerência ao percurso histórico; uma espécie de reflexão anacrónica.

O mundo vive hoje uma proliferação de movimentos revivalistas nos quais as pessoas para além de pertença e participação procuram a segurança e o conforto de valores do passado, seja através da estética ou do simbolismo. Comunidades Wicka com grande ligação à natureza e aos seus ciclos, à exploração comercial do retro e do vintage. A estética rockabilly ou os anos 80 são exemplos disso.

Muitas vezes, estes movimentos ou comunidades são vistos apenas como modas e, como tal, perspectivados sob um ângulo comercial e de marketing. No entanto, esta visão reducionista não pode ser aplicada a todas estas correntes e podemos encontrar em algumas delas aspectos que ultrapassam a mera "moda", isto porque a sua dimensão é transversal a várias áreas, desde o vestuário até à literatura, passando por filmes ou música e às vezes, até comportamentos ou rituais.

A História alternativa

O SteamPunk inspira-se na estética vitoriana e na revolução industrial e, embora possa ser visto como um movimento nostálgico, não pretende recriar o passado fielmente. A perspectiva é antes a de reflectir sobre o presente e propor uma história alternativa. Digamos que a nostalgia do que não se viveu acaba sempre por ser uma recriação ficcionada baseada em referências actuais e na ficção cientifica. Como diz o site DW: "a nostalgia encontra o futuro".

Embora o movimento tenha tido o seu impulso inicial num género de literatura de ficção cientifica, que incorporou as "promessas" da era das máquinas e tecnologia a vapor com a já referida estética vitoriana, ele depressa ultrapassou essa dimensão. Às grandes obras clássicas – onde se inclui por exemplo as "20 mil léguas submarinas" de Júlio Verne, as obras de H. G. Wells, "A Máquina do Tempo", O "Homem Invisível" ou "A Ilha do Doutor Moreau", ou ainda a obra prima de Mary Shelley, "Frankenstein" – foram-se juntando escritores como Michael Moorcock com a obra "The Warlord of the Air", de 1971 e o termo acaba por ser cunhado por K. W. Jeter, em 1980 quando procurava descrever o género literário do seu livro "Morlock Night", ou das obras de James Blaylock (Homunculus, 1986).

Da literatura ao cinema foi apenas um pequeno passo e começaram a surgir várias referências explícitas como, por exemplo, na série "Castle", nos filmes "Wild Wild West" (com Will Smith e Kevin Klein), "Van Helsing", "A Invenção de Hugo Cabret", ou "Sherlock Holmes: O Jogo de Sombras", ou implícitas como por exemplo no filme "Water World" ou "Mad Max".

Tecnologia mais humana

Progressivamente o estilo ultrapassou a mera estética literária ou cinematográfica. Talvez seja na arte SteamPunk que melhor se possa explicar esta corrente. Esta, propõe-se por um lado reaproveitar os materiais, em sintonia com a preocupação actual de reciclagem e, por outro lado, simbolizar o vapor como forma de energia limpa. Talvez, se ignorarmos que para o fazer é preciso queimar carvão.

Mas o aspecto mais revelador é a necessidade de tornar essa tecnologia em objectos utilitários menos impessoais, mais humanizados, mais personalizados através da arte e da decoração. Para além disso lança o desafio criativo do "faça você mesmo" uma peça de design não só ergonómica e utilitária, mas também decorada pessoalmente. É assim uma espécie de encontro e mistura entre arte decorativa, com ciência e tecnologia.

O SteamPunk é hoje um estilo de vida que incentiva a descoberta da ciência, da cultura, do estudo, da invenção e da experiência numa espécie de iluminismo vitoriano ou modernista.

É um mundo que acabou por ir da literatura e do cinema até a música (sim há música SteamPunk), passando por blogs, jornais e revistas, lojas de adereços, roupa e decoração e, claro, muitos festivais e feiras com teatro e performances SteamPunk. 

Mais artigos

DestaquesArtigos

  • 1986661-eye_1024

    Helthcare & Wellness

    Jul 1, 2017

    SOLUÇÕES À VISTA

    Uma das maiores causas de cegueira no ser humano é a degeneração dos fotorreceptores da retina. Até agora, não existe um tratamento clínico eficaz para estes distúrbios na retina. Mas isto parece que vai mudar em breve.

    ...

  • Real-Liga-Naval-Espanhola

    Culture & Art

    Mai 31, 2018

    HONRAR E PRESERVAR A HISTÓRIA

    Portugal e Espanha partilham uma das mais longas histórias do mundo no capítulo da tradição naval, sendo inclusivamente comum os casos de monarcas de ambos os países com formação académica nas escolas militares navais

    ...

  • Viagem marco

    Lifestyle & Travel

    Mar 3, 2018

    AVENTURA SEM TURISMO

    O turismo de aventura tornou-se extramente popular na última década, mas perdeu também boa parte do seu realismo, afinal com visitas guiadas e resorts à porta fechada em hotéis de luxo pouco tem sobrado do espírito de aventura...


  • Depositphotos_11561359_xl-2015

    Lifestyle & Travel

    Set 14, 2018

    Helsínquia

    A capital do país mais feliz do mundo, a Finlândia, é uma agradável surpresa que não quererá perder. Localizada na terra dos mil lagos, ilhas e da aurora boreal, Helsínquia é, actualmente, uma das cidades mais inovadoras e...

  • Allan-Baudoin_Josh_Fray_Photography-10

    Luxury & Fashion

    Ago 1, 2017

    ESTILO AOS SEUS PÉS

    Sempre que falamos de estilo referente a calçado, sabemos que certamente iremos falar sobre Ingleses. A tradição inglesa na sapataria feita à mão é bastante conhecida e o país alberga alguns dos melhores fabricantes de sapatos.

    ...

  • Vector001

    Science & Nature

    Jul 1, 2017

    INTELIGÊNCIA (POUCO) ARTIFICIAL

    Oficialmente inaugurado em Toronto, Canadá, no passado dia 30 de Março, o Instituto Vector conta já com um investimento de 150 milhões de dólares por parte de empresas como o Facebook e o Google, multinacionais de tecnologia...


  • Technology

    Mar 1, 2015

    Never lose your luggage again

    So, you travel a lot and sometimes – more than you'd like – your luggage get's lost in the myriad of conveyor belts and cars that carry it to the airplanes. It's a problem more and more people have to live with. But the solution...

  • Teerenpli1

    Food & Beverage

    Dez 1, 2016

    WHISKY COM CARÁCTER

    O Teerenpeli Single Malt Whisky é produzido na Teerenpeli Distillery, na Filândia. Devido à sua qualidade, os produtos podem estar à venda por curtos períodos de tempo.

  • 1

    Technology

    Mai 1, 2015

    Power In a box

    Wherever your journey may take you, VARTA batteries provide all the power to take you there. Whether you are driving your very first car, you own a vehicle with Start-Stop functionality, or you drive a highly equipped vehicle with high...