Lifestyle & Travel

Ago 1, 2017

Novo Rosto do Turismo

O Quénia tem vindo a destacar-se como destino de preferência para os multimilionários do mundo, sendo já o terceiro destino mais popular entre a elite mundial, ultrapassado apenas pelas Seicheles e pelas Maurícias. 

De acordo com o "New World Wealth Report" o Quénia sagrou-se, em 2016, como o quarto país mais rico do continente africano, atrás apenas da África do Sul, da Nigéria e do Egipto, crê-se que a sua estabilidade interna e o investimento do governo na indústria do turismo tenha em muito contribuído para este crescimento de riqueza e para cativar a curiosidade dos mais de 4.000 multimilionários (com fortunas pessoais acima dos 10 milhões de dólares) que, de acordo com a publicação supracitada, elegeram o Quénia como destino de férias em 2016.

A primeira opção dos turistas, em geral, têm sido os safaris nas reservas naturais de Massai Mara e Nairobi, famosos pela numerosa população de leões, elefantes, girafas, leopardos e chitas bem como pela Grande Migração que decorre anualmente entre Julho e Outubro com a chegada de zebras, gazelas e gnus oriundos do Serengeti (que ocupa o Sudoeste do Quénia e o Norte da Tanzânia).

O turismo é actualmente um dos sectores mais importantes da economia queniana, contribuindo para 10% do Produto Interno Bruto e empregando cerca de 9% da mão-de-obra activa total da nação africana, diversificando cada vez mais a sua oferta.

Além dos populares safaris – graças à sua geografia e clima estável ao longo de todo o ano – conta também com pristinas praias e pitorescas montanhas, havendo opções para todos os gostos.

Desde 2013, compreendendo a necessidade de se destacar neste campo e não danificar os seus atractivos naturais, que o governo do Quénia tem vindo não só a investir no sector turístico, mas também a aplicar e aprofundar leis para assegurar que o turismo tradicional do país se torna num negócio sustentável, fiscalizando o seu crescimento com uma planificação que assegure o futuro da indústria mantendo os atractivos culturais, de flora e de fauna que têm atraído turistas oriundos de todo o mundo.

Além dos parques de safari, o Quénia conta com uma riqueza inigualável de ruínas, monumentos e museus que datam desde a pré-história, passando pela era colonial e culminando na promoção da sua riqueza natural. Destacamos as Ruínas Gede, uma cidade Suaíli existente no século XII, sendo na prática um museu onde é possível observar ainda hoje as ruínas das mesquitas e das casas habitacionais da altura.

Tratando-se de um país com um legado colonial, não podemos descurar uma visita ao Forte Jesus, fortaleza portuguesa, transformada em prisão pelo Império Britânico, erguida na ilha de Mombaça que é hoje um museu cercado por atractivas praias de areia branca. Não pode também olvidar uma visita ao Museu Karen Blixen, lar da escritora dinamarquesa que redigiu sucessos como "África Minha" ou "A Festa de Babette", ambos levados ao grande ecrã e que ainda hoje animam gerações.

Os Museus Lamu são Património da Humanidade e encontram-se na Costa Norte do Quénia, incluem o Forte Lamu, o Museu Lamu propriamente dito, o Posto dos Correios Alemão, as Ruínas Takwa e a Residência Suaíli. Devotado exclusivamente à História do Quénia, há ainda o Museu Nacional do Nairobi, que trata da natureza, cultura, arte e história do Quénia e inclui vários jardins botânicos, trilhos naturais e o seu famoso Parque das Cobras.

Para os adeptos das actividades marítimas, além das longas praias existem opções de rafting em rio, surf à vela, mergulho em vários reservas marítimas e pesca desportiva. Se prefere algo menos radical, o Quénia conta actualmente com oito dos melhores courts de golfe do mundo; se prefere algo mais radical, saltos de para-quedas, escaladas e caminhadas em montanha são uma atracção irresistível para os adeptos da adrenalina. E já mencionamos os rallies e as corridas de camelos? A cultura urbana vibrante graças à imigração europeia, asiática e indiana? A capital do Quénia não fica atrás de nenhuma metrópole ocidental, mas se preferir pode sempre ir para o interior e visitar uma aldeia típica. Que tal lhe soa um fim-de-semana com os Maasai? 

Mais artigos

DestaquesArtigos

  • MAJOITUS_Lasi-iglut_1

    Lifestyle & Travel

    Mar 1, 2017

    KAKSLAUTTANEN - UMAS FÉRIAS ROMÂNTICAS NUMA CASA DE GELO

    Se o convidássemos a passar umas férias num resort, o que imaginaria? Praia? Palmeiras? Sol? Não. Metros e metros de neve estaladiça, o misterioso crepúsculo azul e violeta da noite polar, gelo extremo, a visão da aurora lançando...

  • blank-sofa-by-hyung-suk-cho-o

    Home & Design

    Mai 1, 2017

    CASAS MODERNAS COM INSPIRAÇÃO TRADICIONAL

    Embora minimalista, consegue transmitir uma diversidade de sentimentos, dependendo de onde e como é usado. Assim é o mobiliário do jovem designer sul-coreano, Hyung Suk Cho que, inspirado pela pintura Sul-Coreana, combina o clássico...

  • c0b3fe9d8db2be5ec1c3b228963b0131_original

    Mecanica e Locomoção

    Ago 1, 2017

    LIVRE PARA ANDAR

    O Verão está de volta ao hemisfério norte e isso significa menos roupas, mais tempo de lazer ao ar livre em praias e campo, libertar-se do sufocante vestuário de Inverno e do calçado pesado.


  • dynamiq-gtt-115-porsche-inspired-yacht-1

    Mecanica e Locomoção

    Jul 1, 2017

    ULTRA LUXUOSO

    Tem design da Porsche, mas não se destina às estradas. Tem o conhecimento dos holandeses, mas não serve para cultivar tulipas. Está a ser construído em Itália, mas é uma criação monegasca. Confuso? Em vez disso, deslumbre-se.

    ...

  • 16788830_1399804646759626_4686884977315414016_n

    Food & Beverage

    Jun 1, 2017

    É QUEIJO, MAS TAMBÉM IOGURTE

    Ok, é queijo e chamam-lhe iogurte. Por nós, está tudo bem, até porque parece iogurte, de facto. Regularmente, surgem nos mercados dos alimentos destinados a desportistas, novos produtos e suplementos alimentares que prometem maravilhas. 

    ...

  • AdobeStock_112601508

    Research & Education

    Jun 1, 2017

    Ciclovias que brilham

    Até há relativamente pouco tempo os materiais que brilham no escuro não tinham funções que fossem muito além do prazer decorativo. Mas a luminescência foi conquistando aplicações mais utilitárias e hoje, literalmente, está...


  • Automotive Soul

    Business & Industry

    Dez 31, 2015

    Alma Automóvel

    NPP ITELMA é um grupo científico financeiramente estável, com um sistema de gestão eficiente, engenharia significativa e recursos técnicos, sedeada em Moscovo, Rússia, e que integra empresas especializadas na produção de uma...

  • 6

    Business & Industry

    Jun 1, 2015

    From steel to sustainability

    Aperam South America integrates the Aperam Group. It is the sole producer of flat-rolled stainless and electrical steels in Latin America, and it also produces flat-rolled special carbon steels. It is the leading company in the Brazilian...

  • 3

    Lifestyle & Travel

    Jun 1, 2015

    Delightful San Marino

    Of the world's 193 independent countries, San Marino is the fifth smallest and – arguably – the most curious. How it exists at all is something of an enigma. A sole survivor of Italy's once powerful city-state network, this...