Mecanica e Locomoção

Nov 1, 2017

BAIXA VOLTAGEM, ALTA RESISTÊNCIA

Mil quilómetros a uma velocidade média de 120 km/h, em pouco mais de oito horas, num veículo eléctrico. Se a proposta parece interessante, aqui apenas esperamos uma resposta na linha: "pára de sonhar, rapaz, e deixa os impossíveis para a ficção". Pois, guardem bem esta informação, foi a 4 de Agosto de 2017!

<

Por LUÍS RAMALHO

O dia 4 de Agosto de 2017 estabelece um marco no futuro da mobilidade eléctrica, dentro e fora das cidades e até em viagens longas através do país (seja qual for o país). O Quantino da Nanoflowcell, representa um passo de gigante num novo conceito de viagens de automóvel. E, desta vez, nem vem da Tesla…

Quase todos os veículos baseados em conceitos alternativos de alimentação, seguem os mesmos formatos ou ideias. Apesar de todas as indicações e conselhos dados por governos e pela sociedade, a indústria automóvel está relutante em acolhe-las e torna-las viáveis, preferindo seguir o seu próprio caminho, sem implantar qualquer alternativa tecnológica.

Na Alemanha, várias marcas já refutaram a lei de eliminar viaturas a diesel até 2020 e até o grupo PSA (francês) já se mostrou relutante em assumir qualquer espécie de compromisso, face a alterações nos seus planos a longo prazo. Aos olhos dos grandes construtores, as alternativas parecem "sempre" demasiado vagas ou implicam demasiado investimento.

A Nanoflowcell, contudo, propõe algo diferente.

Como empresa jovem na área de R&D (pesquisa e desenvolvimento), a aposta está centrada no desenvolvimento de novas opções tecnológicas, mais baratas e mais fiáveis, a custos bem mais baixos, tornando-as fiáveis e ajustáveis às exigências dos construtores já existentes.

O conceito do Quantino, nasce disso mesmo!

Esta empresa suíça recuperou um conceito em tempos desenvolvido (mas abandonado) pela NASA das chamadas "baterias líquidas", para que a electricidade produzida pelos motores fosse produzido dentro da própria viatura, sem ter de recolher a baterias de armazenagem.

Para esse fim, são necessários dois líquidos (sim, e é mesmo aqui que a ideia ganha interesse), um electrólito e um outro (desenvolvido pela Nanoflowcell) que recorre a nanotecnologia. Por efeito do contacto entre estes dois líquidos através de uma membrana porosa, ocorre uma reacção química que libertas iões (energia eléctrica) água e sais.

A água é expelida através do processo de evaporação, os sais ficam retidos num filtro e (aqui, a ideia adquire muito mais interesse), a electricidade gerada pelo processo é reencaminhada para alimentar cada um dos quatro motores colocados em cada uma das rodas.

Ao todo, os quatro motores eléctricos, geram os 136 cv que transformam este pequeno automóvel de dois lugares, num desportivo eléctrico que atinge os 100 km/h em 5 segundos e consegue atingir a velocidade máxima de 200 km/h!

Apesar de, há pouco mais de um ano, o mentor do projecto, Nunzio de la Vecchia, ter conseguido rodar 14 horas seguidas numa pista de testes sem ter de para reabastecer, faltava o teste em condições regulares de funcionamento urbano.

Esse, teve lugar no tal dia 4 de Agosto de 2017, em que foi cumprida uma viagem de 1400 km, de uma só vez, em 8 horas e 21 segundos. E isto, sem emissões, já que os líquidos exigidos para o processo não são tóxicos nem libertam quaisquer gases a não ser vapor de água.

Uma vantagem deste sistema, é a possibilidade de ter um automóvel eléctrico a funcionar a apenas 48 V, em vez das altas tensões dos modelos eléctricos já em comercialização o que, não só torna esta proposta muito melhor a nível de segurança, como permite utilizar cablagens mais finas, portanto, mais fáceis de arrumar no veículo.

Naturalmente, sendo uma proposta ainda em desenvolvimento, nem tudo são flores. O Quantino gastou 190 litros da solução desenvolvida pela Nanoflowcell para percorrer estes 1400 km. O que significa um consumo de 13,6 l por cada 100 km. Apesar desta média que pode parecer (e é) brutal, a Nanoflowcell adianta que o preço de produção desta solução é incrivelmente baixo, devendo rondar os 10 cêntimos por litro.

Contactos * www.nanoflowcell.com * Böndlerstrasse 10 * CH-8802 Kilchberg

Mais artigos

DestaquesArtigos

  • Zinco03

    Business & Industry

    Ago 1, 2017

    Gronelândia: A Derradeira Jazida de Zinco

    A Ironbark está actualmente a desenvolver três projectos na Gronelândia, destacando-se de longe a prospecção da mina de zinco e chumbo em Citronen. A multinacional australiana começou a aprofundar o projecto para a exploração...

  • null-stern-hotel-switzerland-alps_dezeen_1568_4

    Lifestyle & Travel

    Jun 1, 2017

    DORMIR COM AS ESTRELAS

    Sem paredes nem telhados, os quartos de hotel, que lhe mostramos na presente edição da Your VIP Partner, têm uma vista privilegiada para o céu, mais propriamente o céu dos Alpes suíços – chama-se Null Stern e é mais do que...

  • 4

    Research & Education

    Nov 2, 2018

    SISTEMA EDUCATIVO FINLANDÊS

    "Aqui vão as más notícias: caso não tenha reparado, não existe um emprego com a designação "matemático". Portanto, não incomode os seus filhos com uma formação superior como matemático – ele, provavelmente não vai gostar...


  • jak_3

    Luxury & Fashion

    Jun 1, 2017

    Três em um para o ar livre

    Passar alguns dias ao ar livre é um desafio pela quantidade de material que é necessário transportar: a tenda, o saco de cama, roupa adequada à temperatura, utensílios de higiene diária, calçado extra e, se pretender cozinhar...

  • Depositphotos_4906403_xl-2015

    Business & Industry

    Dez 1, 2017

    UM NOVO PASSO PARA A INTERNACIONALIZAÇÃO

    Angola é o 3º país do mundo que maior apoio financeiro tem recebido da China. A reconstrução e desenvolvimento de Angola a partir de 2003 beneficiou desse apoio, especialmente para a construção de novas infraestruturas e novas...

  • 7ca7cf5fff31dbb91763cd309e05c8a6

    Business & Industry

    Mai 1, 2017

    ROLHAS QUE FAZEM BONS VINHOS

    Um bom vinho cai bem em qualquer ocasião. Porém, os cuidados necessários para que o gosto seja perfeito, como a escolha de uma boa rolha de cortiça, são detalhes tidos em conta apenas pelos consumidores mais exigentes. Em Itália...


  • La Perla

    Luxury & Fashion

    Fev 1, 2015

    The History of La Perla

    The artisanal heritage, the know-how of the female body, the fusion of innovation and tradition, the Italian identity. These solid points are the chromosomes of the La Perla DNA, the most authentic legacy of the founder Ada Masotti.

    ...

  • 2

    Business & Industry

    Ago 1, 2015

    Modernizing metallurgy

    Blast furnaces are one of the oldest technologies we still use today. Without them our modern world wouldn't even exist and all the amenities we take for granted like skyscrappers, container ships, trains and even mobile phones.

  • Technology

    Set 1, 2015

    Clean and safe water with UV desinfection

    It's one of the bigest challenges posed to modern society. Water treatment in urban areas is one of the most important assets in every community, and viewed by many as a standard to evaluate social development. Keeping our water clean,...