Technology

Mar 1, 2017

TELEVISÕES TRANSPARENTES - ESCONDIDAS À VISTA

Assim mesmo! O novo conceito de ter uma televisão mesmo no meio da sala sem que seja vista chegou e até é muito superior ao que seria de esperar. Mais transparência, melhor definição de imagem, muito mais qualidade.

<

Panasonic

O gigante tecnológico japonês já tinha mostrado o seu protótipo de uma televisão transparente, em Janeiro de 2016. Ainda apresentava apenas 10% de transparência, mas era já espantoso pensar que poderíamos ter uma televisão integrada no mobiliário, sem ser visível.

Apenas dez meses depois, no CEATEC (Combined Exhibition of Advanced Technologies), em Tóquio, no Japão, a marca apresentou o seu novo modelo, significativamente melhorado. A empresa actualizou o conceito de várias formas.

Tem um novo desenho, mais discreto, agradável e leve. O ecrã é agora muito mais brilhante e o incremento para 40% de transparência torna-o muito mais capaz de parecer translúcido como o vidro. Mas o objectivo da empresa é torná-lo tão transparente que possa ficar totalmente invisível no mobiliário da casa.

O novo protótipo é significativamente mais vivo e mais confortável na visualização. Ainda é um pouco esbatido, quando comparado com outras TV mas é mais perto do utilizável na maioria dos ambientes caseiros. O painel também é mais claro e de leitura mais fácil.

Por enquanto, a Panasonic avisa que um ambiente mais iluminado ainda pode causar alguns problemas de visualização. Opera a partir de uma tela de vidro que tem embebida uma malha fina, utilizando condutores OLED tão finos, que não são visíveis quando o painel é desligado. Uma vez ligado, a luz torna o painel visível e quando se baixa a intensidade da luz, exibe uma imagem limpa, suficientemente brilhante para se tornar indistinguível de outras televisões.

Vai ser possível operar o aparelho através de controlo remoto ou através de movimentos e controle de voz.

Para aquelas pessoas que não vêm TV com frequência e que não querem um ecrã enorme em casa, é a solução ideal. Ao toque de um simples botão, a malha OLED cria uma atraente peça, pouco provável de surgir em salas de estar normais.

Para já, a Panasonic declarou que esta tecnologia ainda vai ficar em desenvolvimento durante os próximos três anos.

Samsung

A primeira vez que a Samsung (Coreia do Sul) revelou os seus ecrãs OLED transparente e espelhado, foi em 2015, em Hong Kong, durante o Retail Asia Expo. E o público ficou deslumbrado. Que tipo de tecnologia é capaz de tornar uma televisão transparente?

O ecrã em que a Samsung está a trabalhar utiliza a tecnologia Intel Real Sense. Esta permite ao consumidor controlá-la por gestos ou voz e tem um sistema Full HD em 3D rotativo.

Comparadas a ecrãs de TV convencionais actualmente no mercado, este aparelho tem uma qualidade de cor substancialmente superior, uma transmissão acentuadamente mais rápida e mais claridade abrangendo mais ângulos de visualização. Tem um nível de transparência de 40 por cento, mais elevado que os dos concorrentes que utilizam a mesma tecnologia e atingem os 10 por cento, no máximo.

Quando ao ecrã OLED espelhado, partilha a mesma tecnologia, adicionando a possibilidade de trocar o seu tradicional espelho por este ecrã. Tem um nível de reflecção de 75 por cento, contra os habituais 50 de outras marcas no mercado.

Só neste caso, a tecnologia Intel conduz a interactividade humano-computador para um novo nível. Consegue criar uma "sala de prova virtual" que pode ajudar o utilizador a ver-se a si próprio com roupas, sapatos ou jóias diferentes, escolhidas a partir do armário de outras lojas à escolha.

O ecrã pode também fornecer informações de serviços, emitir canais de televisão, previsões de tempo, relatórios personalizados sobre a sua condição física e bem-estar.

A Samsung ainda não deu início à comercialização destas novas opções, nem sequer é expectável que cheguem ao consumir normal de TV, pelo menos de início, porque ainda serão bastante caras. Será o crescimento do mercado, e as ofertas de outras marcas que irá permitir que estas tecnologias desçam para o nível de banalidade num futuro próximo.

Estas são, sem dúvida, grandes opções para começar a pensar que o futuro está mais perto do que podíamos imaginar.

Mais artigos

DestaquesArtigos

  • 2013_Tokyo_Motor_Show_Toyota_iRoad_002

    Mecanica e Locomoção

    Ago 1, 2017

    ADN DIVERTIDO

    O que acontece quando um Prius se apaixona por uma Yamaha? Resulta num Toyota i-Road. Pode parecer uma piada, mas a sensação que este veículo provoca não é piada nenhuma.

  • slide-1

    Food & Beverage

    Mai 28, 2018

    A ARTE DOS DOCES

    Girassol, amendoim ou sésamo de halva, com aditivos ou sem eles, amêndoa, nozes e outros frutos secos, o aromatizante de creme mais delicado, a mais deliciosa pasta turca – em qualquer um dos doces da marca irá encontrar uma...

  • the-cicret-bracelet-a-bracelet-t

    Technology

    Mai 1, 2017

    UM SMARTPHONE À FLOR DA PELE

    Ver emails ou assistir a um filme são gestos cada vez mais fáceis de executar. Que dependam de um simples toque na pele é que custa a acreditar. Tal é possível com a "Cicret", uma pulseira inteligente que transmite o visor do...


  • 16788830_1399804646759626_4686884977315414016_n

    Food & Beverage

    Jun 1, 2017

    É QUEIJO, MAS TAMBÉM IOGURTE

    Ok, é queijo e chamam-lhe iogurte. Por nós, está tudo bem, até porque parece iogurte, de facto. Regularmente, surgem nos mercados dos alimentos destinados a desportistas, novos produtos e suplementos alimentares que prometem maravilhas. 

    ...

  • BauhausType

    Culture & Art

    Mar 1, 2017

    A HISTÓRIA DA BAUHAUS - UTOPIA, TEORIA, DESIGN

    Nascida das cinzas da Primeira Guerra Mundial, ainda hoje não se pode contornar a importância que os seus 14 anos de existência trouxeram ao mundo, sob um conceito radical para a época: re-imaginar todos os materiais do mundo...

  • Hotel-deserto-Marrocos

    Lifestyle & Travel

    Jun 26, 2018

    UM CHÁ NO DESERTO, QUERIDA?

    Os tempos modernos tornaram populares o turismo de aventura em locais exóticos, mas no Sudeste de Marrocos há um pequeno oásis entre as dunas que fará as delícias até mesmo do turista mais ocioso e alheio a aventuras

    ...


  • Elodie

    Technology

    Ago 1, 2016

    O fim das barreiras linguisticas

    O poeta português Fernando Pessoa, referia na sua obra "Mensagem" que, "Deus quer, o Homem sonha e a obra nasce". Desde os anos 1990, face às barreiras linguísticas naturais, os turistas japoneses perseguem o sonho de compreender...

  • From Sedan Chairs To Automobiles

    Business & Industry

    Nov 30, 2015

    De Liteiras a Automóveis

    A Saint-Gobain já está no negócio dos vidros há muito tempo. Há tanto tempo, aliás, que o primeiro veículo equipado pela empresa foi a liteira do arquitecto de Luís XIV de França, Jules Hardouin Mansart, em 1699.

  • AllPhotos - anna sholtz (10)

    Luxury & Fashion

    Jul 1, 2016

    A INSPIRAR FEMINILIDADE

    Desde há muito tempo que, em muitas culturas, mulheres roliças eram sinónimo de saúde. Actualmente, embora os dois aspectos não estejam necessariamente relacionados, a tendência é valorizar a beleza natural e mulheres com formas...