Science & Nature

Nov 1, 2016

CIDADES FLUTUANTES: UM MUNDO NOVO

O Instituto de Seasteading (The Seasteading Institute – TSI, em inglês), criado em 2008 pelo engenheiro de software da Google, Patri Friedman (neto do economista Milton Friedman), e Wayne Gramlich, presidente da Homebrew Robotics Club de Silicon Valley, com o apoio de Peter Thiel, bilionário capitalista de risco e co-fundador da PayPal, estão a desenvolver uma cidade flutuante que poderá ser um povoado permanente e politicamente autónomo.

<

Seasteading é um conceito de habitações permanentes no mar, chamadas seasteads, fora dos territórios reivindicados pelos governos, e que podem ser paquetes modificados, plataformas antiaéreas desativadas ou ilhas flutuantes personalizadas. O objectivo é facilitar o estabelecimento de comunidades móveis autónomas, maximizando a liberdade de empreendedorismo, e criando assim as primeiras nações que, para além de não atacarem outras comunidades, recebem todos os povos num espaço que pode designar-se como o "Próximo Novo Mundo" – uma espécie de primeiro estado autónomo no qual se pode testar a construção de novos tipos de sociedade.

O desenvolvimento deste projecto é ainda sensível do ponto de vista governamental, na medida em que mexe com a eventual perda do monopólio dos tradicionais governos dos países, cujos sistemas são, por vezes, referidos como obsoletos, e não têm capacidade para responder aos desafios, criatividade e inovação do século XXI.

A filosofia do grupo pode ser descrita em poucas frases: "Enriquecer os pobres. Curar os doentes. Alimentar os Famintos. Limpar a Atmosfera. Restaurar os oceanos. Viver em equilíbrio com a Natureza. Usar energia sustentável. Acabar com as guerras". Para Randolph Hencken, director executivo do TSI, «Todas as terras têm dono, o oceano é o nosso último lugar na Terra».

A equipa composta por biólogos marinhos, engenheiros náuticos, agricultores aquáticos, advogados marítimos, investidores, ambientalistas e representantes de outras profissões, planeia construir seasteads para albergar quintas de aquacultura, centros de saúde flutuantes, ilhas de investigação médica e centrais eléctricas sustentáveis. As principais áreas de investigação são: engenharia, negócio, jurídica & política.

São já mais de mil, as pessoas que enviaram donativos para o Instituto, e centenas voluntariaram-se para a fazer parte da experiência. Para além do apoio financeiro de Thiel, que investiu perto de 1,7 milhões de dólares no projecto, o Instituto espera angariar dinheiro de alguns investidores, futuros residentes e grupos interessados na indústria marítima. O custo inicial da construção é de aproximadamente 30 milhões de dólares, e cada plataforma adicional custará cerca de 15 milhões de dólares. Em 2013, a organização angariou mais de 27 000 dólares através de uma campanha de crowdfunding, apoiada por 291 pessoas, e este dinheiro reverteu imediatamente para o "Projecto da Cidade Flutuante", da empresa de design norueguesa DeltaSync.

No entanto, o projecto foi considerado utópico, e fortemente criticado em Silicon Valley, onde estas ambições foram consideradas demasiado loucas, elitistas e extravagantes a nível financeiro para gerarem resultados reais, fora a complexidade das questões legais e de impostos. No meio empresarial de Silicon Valley, seria muito mais fácil comprar uma porção de terra ou mesmo uma ilha do que concretizar o projecto.

A equipa tem, contudo, uma nova inspiração – trata-se de uma cadeia de 130 ilhas, situado na Polinésia Francesa, com ligação aérea a Los Angeles, em apenas oito horas.

Segundo as pesquisas efectuadas pelos especialistas envolvidos no projecto, a Polinésia tem um cabo de fibra óptica subaquático com capacidade para albergar uma nova comunidade de residentes e trabalhadores.

Para além disso, a subida do nível das águas ameaça a própria existência da Polinésia, o que torna a proposta muito apelativa para o governo local. Nesse sentido, estes visionários planeiam associar-se a uma "nação hospedeira", estimando que seriam precisos 225 milhões de dólares para a construção das ilhas, e oito milhões anuais para as manter em funcionamento. Se tudo correr como planeado, este projecto avança já em 2017, e tem data prevista de conclusão em 2020.

A planta desta nova cidade consiste em duas ou três plataformas, com uma área aproximada à de meio campo de futebol, e com capacidade para 30 pessoas. Se o programa piloto for bem-sucedido, serão acopladas mais plataformas. A ideia é de que as ilhas providenciem também espaço e recursos para construção, enquanto se desenvolve um memorando de compreensão para cimentar a intenção do governo de trabalhar com o Instituto de Seasteading, e dar início a legislação que autorize o desenvolvimento do seastead.

Contacts – Contactos:

http://www.seasteading.org/

Mais artigos

DestaquesArtigos

  • 9de2447c-43cf-11e6-b22f-79eb4891c97d

    Business & Industry

    Ago 1, 2017

    A NOVA CORRIDA AO OURO

    O século XXI estabeleceu uma nova revolução na indústria de energia, com a crescente utilização de lítio para alimentar quase tudo no mundo. O que costumava ser um "pato feio" na mineração do metal é agora a estrela da última...

  • IMG_4878_1950x

    Helthcare & Wellness

    Abr 21, 2018

    MÁS VIBES, BOAS VIBES

    Claro! Andar de bicicleta em vez do carro e até mesmo um transporte público, é uma boa atitude para a sua saúde pessoal e comum. Certifique-se apenas que o faz da forma certa

  • #1

    Luxury & Fashion

    Out 19, 2018

    HORNSKOV KØBENHAVN

    "Todos conhecemos a importância que uma aparência impecável tem no mundo dos negócios. Cada vez mais, vemos espantosos cortes de cabelo e barba, combinados com belas gravatas e fatos e camisas e sapatos."


  • levizen-water-levitation-4

    Home & Design

    Jul 7, 2018

    ÚTIL E INVULGARMENTE BONITO

    O LeviZen é uma peça de design com um 'look retro' e usa ondas de som com frequências altas para levitar água e luz. É financiado através da plataforma Kickstarter e já ultrapassou o valor de investimento inicial, partindo...

  • GallerySlide1

    Technology

    Jul 1, 2017

    NÃO É GRANDE, É ENORME

    Imagine um avião que parecem dois aviões colados entre si pela asa. Depois adicione seis reactores Pratt & Whitney, tal como os utilizados no Boeing 747. O resultado são 580 toneladas de peso a levantar voo.

  • mindfullness1

    Lifestyle & Travel

    Set 17, 2018

    Mindfullness

    Uma mantra de vida

    "Viver aqui e agora" é esta a regra do mindfulness. Oriundo da doutrina budista, o mindfulness é uma técnica que pratica a atenção plena e a conexão entre o corpo e a mente consigo, com os...


  • 3

    Lifestyle & Travel

    Jun 1, 2015

    Delightful San Marino

    Of the world's 193 independent countries, San Marino is the fifth smallest and – arguably – the most curious. How it exists at all is something of an enigma. A sole survivor of Italy's once powerful city-state network, this...

  • CALLAWAY 2016 APEX IRONS

    Sport

    Fev 29, 2016

    Levando a Perfeição Mais Longe

    Ponta, ponto, vértice, topo ou pico são algumas das palavras que significam Apex. No golfe, este termo representa a excelência e o desempenho inigualáveis. Tendo isso em consideração, a Callaway Golf Company criou a linha Apex...

  • 1

    Business & Industry

    Jun 1, 2015

    Kings of Stone

    Marble in Iran has been extracted and used for hundreds of years, and this is not by accident. Here, in the mountainous country, we find over 150 quarries, driving Iran to become one of the biggest marble stone producers.