Culture & Art

Dez 1, 2016

EFLORESCÊNCIA APÓS OS SESSENTA ANOS

Há mais de 20 anos que Vladimir Kanevsky vive em Nova Iorque, fazendo do fabrico de flores de porcelana a sua vida, peças de arte reais, sem paralelo com trabalhos de qualquer outra pessoa. As flores de Kanevsky decoram as casas das pessoas mais ricas do mundo, incluindo as de membros das famílias reais europeias, e são muito procuradas entre coleccionadores. Uma flor de Kanevsky vale, em média, entre USD 3000 e 20 000 dólares.

<

As flores de Kanevsky surpreendem até os mais sofisticados peritos. Elas são tão "vivas" que até serem tocadas, é imporssível acreditar que são de porcelana. Pintadas à mão, com botões de flores, folhas tonificadas ... até mesmo a terra de cerâmica dos potes parece real.

Aos 63 anos, o escultor Vladimir Kanevsky é muito requisitado, sendo mais popular que alguma vez fora na vida. A vocação profissional e o sucesso foram alcançados devido a um a trabalho que sempre odiou, pois só depois dos cinquenta anos, se apaixonou por esta arte.

Antes de se mudar para os Estados Unidos da América (EUA), o também arquitecto ucraniano, Vladimir Kanevsky, fazia projectos de prédios públicos em Leningrado (actual São Petersburgo, Rússia), e bairros residenciais inteiros na sua terra natal, Cracóvia, Ucrânia. Quando completou 40 anos, mudou-se para Nova Iorque, EUA, e enfrentou imediatamente todos os desafios da vida de imigrante.

Num país estranho, sem ligações, experiência e quase sem dinheiro, assumiu o trabalho com o qual se podia sustentar. Vladimir, o ex-arquiteto de sucesso, começou a fazer flores de porcelana. Não se pode dizer que estava muito inspirado a fazer lírios artificiais do vale, - esta parecia ser apenas a maneira mais fiável de ganhar dinheiro. «Eu precisava realmente de dinheiro», diz.  «As flores de porcelana eram mais fáceis de vender do que, digamos, uma escultura. É por isso que as moldava. E as odiava», explica.

As odiadas flores de porcelana tinham, contudo, uma aparência muito natural, o que despertava a admiração do público. Numa loja de Nova Iorque, onde o proprietário exibia as obras de Vladimir, designers famosos e coleccionadores ricos começaram a comprá-las. Muitos dos clientes eram da Europa, e em pouco tempo, os lírios de porcelana do vale e as peónias integravam colecções de alguns membros da realeza, e assim, os bouquets de cerâmica tornaram-se moda não só nos Estados Unidos, mas também na Europa.

Poucos anos depois, Vladimir Kanevsky aceitou um pedido para fazer alguns trabalhos personalizados para a casa de moda parisiense Dior. Tinha quase cinquenta anos e a sua carreira começava a ganhar força. «As primeiras flores que enviei para a Dior partiram-se no caminho», recorda. «Até hoje, o transporte de artigos para a Europa é um grande problema», afirma.

As flores de porcelana de Kanevsky ganharam tal popularidade, principalmente por parecerem verdadeiras. Os lírios macios do vale, as peónias de veludo, os narcisos finos e o lilás absolutamente real, emanam aparentemente uma fragância esmagadora, - tudo isto resulta de um acabamento fino fantástico e de uma maestria invulgar. As peças são feitas à mão, cada uma é única. As flores de porcelana são amarradas em hastes de cobre com folhas, cobertas com esmalte e pintadas. Os bouquets são "plantados" em vasos de flores antigas.

Durante muito tempo, Vladimir manteve o desinteresse pelas flores, considerando a escultura como a sua verdadeira vocação. Todo o tempo livre que tinha dedicava à "arte real" – as composições escultóricas. No entanto, as flores de porcelana vendiam-se com enorme sucesso. As suas esculturas eram menos populares. Além disso, não dedicava muito tempo à escultura porque tinha que fazer flores.

E só agora, com mais de sessenta anos, Vladimir Kanevsky encontrou, finalmente, o equilíbrio ideal entre as suas ambições e as exigências do mercado. Ele compreendeu que as flores de porcelana são uma arte em si, que tem realmente procura. E por essa razão começou a amá-las sinceramente. Agora assegura, brincando, que se lembrou recentemente de que a botânica costumava ser a sua disciplina favorita na escola.

Actualmente, Vladimir cria então com prazer, fazendo exposições pelo mundo, concedendo entrevistas, e assegura que o momento mais interessante de sua vida chegou. As suas obras são mais requisitadas do que nunca. Em 2012, a famosa casa de porcelana alemã, Meissen, com 300 anos de história, propôs a Vladimir a realização de uma colecção conjunta.

«Para alguns o florescimento profissional acontece na juventude, para outros na meia-idade, o meu acaba de chegar», afirma Vladimir Kanevsky. «O tempo que vivemos é muito interessante, existem tecnologias fantásticas que podem ser usadas no nosso trabalho. É incrivelmente impressionante», conclui. Se ainda não descobriu a sua vocação, não desanime, é perfeitamente possível descobrir novos talentos e capacidades após os cinquenta anos de idade.


Fotos:
http://theageofhappiness.com/posts/vladimir-kanevskiy-kotoryy-rascvel-svozrastom/5f1bgf9d123

http://izbrannoe.com/news/iskusstvo/farforovye-tsvety-vladimira-kanevskogo/

Mais artigos

DestaquesArtigos

  • allergie-alimentari-microbioma

    Science & Nature

    Mai 1, 2017

    EU, O SER COLECTIVO

    Alguma vez parou para pensar que você não é um, mas sim muitos? Não me refiro apenas ao legado histórico, aquilo que assimilou dos seus pais, genes, tiques, maneiras de falar etc. Refiro-me a quantidade de organismos que fazem de...

  • comida1

    Food & Beverage

    Mai 14, 2018

    ELIMINATION OF TRANS FAT IN ALL FOODS

    "In South Asian countries, they have very, very high risk of heart disease and high intakes of trans fats", says specialist

  • Bradley001

    Business & Industry

    Jul 1, 2017

    FUME-O VOCÊ MESMO

    É um facto incontornável que em pleno século XXI os chefs de gastronomia se tornaram nas novas estrelas rock, não há canal que não tenha os seus próprios programas de culinária e/ou promova concursos de culinário aos quais...


  • scribit1

    Home & Design

    Set 28, 2018

    SCRIBIT

    O seu espaço ao seu gosto

    Há um par de anos atrás, o estúdio de arquitetura e design Carlo Ratti Associati (CRA) apresentou um sistema no qual um robô pulverizador de pintura era usado para desenhar imagens em superfícies...

  • architectureimg.com-medieval-neuschwanstein-castle-germany-photography-architecture-scenery-bavaria-landscape-wide-screen-image-gallery

    Culture & Art

    Jun 1, 2017

    OS CONTOS DE FADAS E O PAPEL ESTRATÉGICO

    Para além da construção e beleza intemporais, os castelos são cenários de histórias românticas e encerram em si inúmeros mistérios e períodos da História. Modernos ou medievais, são monumentos de visita obrigatória e...

  • 572e1220696469.5631227a8514a

    Mecanica e Locomoção

    Mar 1, 2017

    EXO - MAIS DO QUE UMA PRÓTESE COMUM

    Os Estados Unidos da América (EUA), país onde o número de pessoas que viu amputados algum dos seus membros ascende aos dois milhões, é o mesmo país que agora disponibiliza ao mercado uma tecnologia pioneira de próteses que...


  • Senator pen

    Business & Industry

    Out 1, 2015

    História Escrita

    Quando alguém na Alemanha procura uma caneta esferográfica produzida internamente, provavelmente será uma Senator. A marca tem mais de 90 anos de experiência na produção e distribuição de instrumentos de escrita. A sua inventividade...

  • Teerenpli1

    Food & Beverage

    Dez 1, 2016

    WHISKY COM CARÁCTER

    O Teerenpeli Single Malt Whisky é produzido na Teerenpeli Distillery, na Filândia. Devido à sua qualidade, os produtos podem estar à venda por curtos períodos de tempo.

  • Myprotein

    Sport

    Set 1, 2015

    Fit for Strong

    Established in 2004, Myprotein® is Europe's leading online sports nutrition brand. The company has grown rapidly from day one with its unique commitment to product quality, value for money and customer service.