Business & Industry

Mar 31, 2018

NÉCTARES DA "ILHA DAS MAÇÃS"

O Estado australiano da Tasmânia tornou-se conhecido graças às suas maçãs, tanto que acabou por ser alcunhado de "ilha das maçãs" dada a predominância dos seus pomares

Por NIGEL HAWTHORNE

Contudo desde os anos 90 que a Tasmânia tem vindo a tornar-se conhecida pela qualidade dos seus vinhos que, em provas cegas, por vezes não se distinguem dos melhores do mundo em grande parte graças aos esforços de Andrew Hood, que ficou reputado como o principal responsável pela melhoria da qualidade do vinho deste Estado-ilha, tendo sido contratado por dezenas de adegas vinícolas.

Nick Glaetzer é um dos produtores que se deixou seduzir pela excelência das castas da Tasmânia no decorrer de uma dessas provas cegas e, com a sua esposa, anima agora a Glaetzer-Dixon Family Winemakers, a operar numa antiga fábrica de gelo que ambos transformaram em adega, loja e no lar para a sua família na avenida Brooker, tendo trabalhado com Andrew Hood primeiro a tempo parcial e depois a tempo inteiro com a particularidade de poder, paralelamente, fazer o seu próprio vinho, o que viria a resultar na sua própria adega vinícola desde 2008 e em 2011 foi considerado o melhor jovem vinicultor da Austrália pela "Australian Gourmet Traveller" graças ao seu Pinot noir e, uns meses mais tarde nesse mesmo ano, recebeu o galardão Jimmy Watson, o troféu vinícola mais conhecido da Austrália, pelo seu Mon Pere Shiraz 2010. Foi a primeira vez em meio século que um vinho produzido na Tasmânia conseguiu obter este prémio, atribuído anualmente ao melhor vinho tinto não-reserva do ano anterior.

Nick Glaetzer não caíu no mundo dos vinhos vindo de outro qualquer universo ou formação, descende de uma longa linhagem de produtores naturais da Alemanha, mais concretamente do vale de Brandeburgo, que assentaram no continente australiano, de onde Nick partiu para o paraíso vinícola da "ilha das maçãs", não se esperando que abandone a Tasmânia tão cedo. Existem outros territórios na Austrália nos quais se podem cultivar as mesmas castas de vinha, mas a especificidade do clima da Tasmânia permite que um produtor possa cultivar várias castas num mesmo local sem que tal afecte a sua qualidade, as Riesling, Chardonnay e Pinot Noir crescem todas exemplarmente bem no microclima local, que lhes permite uma maior maturação graças a um período de crescimento mais extenso antes da apanha, permitindo-lhe uma maior acumulação de sabor e acidez natural que se repercute no vinho dispensando quaisquer aditivos.

Desde 2010 que cada vez mais produtores têm optado por abandonar o território continental e radicar-se no Estado-ilha da Tasmânia, a sua proximidade do Árctico confere-lhe um microclima ideal para castas que necessitem de um clima frio para maturar devidamente com verões frescos e outonos longos, a Tasmânia possui o clima ideal para espumantes e para as castas Pinot Noir, Riesling, Chardonnay, Sauvignon Blanc, Cabernet Sauvignon e Pinot Gris, os vinhos produzidos na zona, dos quais os Glaetzer-Dixon foram utilizados como mero exemplo, têm amealhado críticas positivas e prémios despertando a atenção internacional dos especialistas e dos apreciadores.

A alteração nos gostos dos consumidores também tem beneficiado os vinhos da Tasmânia, com o aumento da procura por vinhos refrescantes e com baixo teor de álcool, os Pinot Noir e os espumantes da ilha-Estado não têm mãos a medir uma vez que os mercados para onde exportam conseguem assimilar toda a sua produção. As vinhas da Tasmânia também têm sido favorecidas, as uvas locais chegam a ser vendidas a preços cinco vezes mais elevados que os das uvas produzidas no continente australiano. Este aumento de procura tanto de vinhos como de uvas, fez com que muitos dos produtores se vissem forçados a comprar terras e a criar as suas próprias vinhas, de modo tanto a aumentar a sua produção como para evitar que o aumento de procura de uvas da zona e a subida dos preços destas não lhes afectasse a matéria-prima.

Contactos * www.winetasmania.com.au * mail@winetasmania.net.au * Tel: (03) 6223 3770 * Wine Tasmania, Level 5, 29 Elizabeth St, Hobart TAS 7000, Tasmania, Australia

Mais artigos

DestaquesArtigos

  • campeõeseuropa

    Sport

    Mai 11, 2018

    O PAÍS DO FUTEBOL

    Todos sabemos que o futebol é um fenómeno social, de paixão, quase tão irracional como ela, já que a paixão não se contabiliza, não se mede, não se avalia, nem se controla

  • Depositphotos_8485784_xl-2015

    Food & Beverage

    Ago 1, 2017

    SEMENTES SEM COPYRIGHT

    A impressionante senda legislativa mundial chegou ao mais trivial dos produtos: os alimentos. É a mais recente tentativa do Homem, de se apoderar e controlar elementos da natureza.

  • _slc114_33093997

    Food & Beverage

    Abr 1, 2017

    PREPPER - REFEIÇÕES PARA O FIM DO MUNDO

    Graças ao popular programa do National Geographic Channel, "Preparados Para o Fim do Mundo", o fenómeno dos sobrevivencialistas passou de um mercado de nicho norte-americano centrado quase exclusivamente nos Estados Unidos da América...


  • Vinhas02

    Business & Industry

    Mar 31, 2018

    NÉCTARES DA "ILHA DAS MAÇÃS"

    O Estado australiano da Tasmânia tornou-se conhecido graças às suas maçãs, tanto que acabou por ser alcunhado de "ilha das maçãs" dada a predominância dos seus pomares

  • AdobeStock_70053652

    Food & Beverage

    Abr 1, 2017

    PEQUENO ALMOÇO - COMEÇAR O DIA A COMER

    Os benefícios do pequeno-almoço para a saúde, não têm sido consensuais ao longo da história e, ainda hoje se discute que tipo de alimentos se devem ingerir de manhã e se estes devem ou não estar dependentes da actividade física...

  • Depositphotos_96954074_xl-2015

    Lifestyle & Travel

    Mar 1, 2017

    SALZBURGO - PARA LÁ DE MOZART

    Salzburgo, cujo nome significa literalmente "fortaleza de sal", foi refundada no século VIII por São Ruperto de Salzburgo, é a actual capital do Estado de Salzburgo e a quarta maior cidade da Áustria.


  • 1

    Food & Beverage

    Ago 1, 2015

    Strawberries everywhere!

    There's a place in the world where you can truly say that there are fields of strawberries until where the eye can see. That place is Finland! Here, you can pick the best wild strawberries yourself, from the very many farms throughout...

  • 01

    Technology

    Jan 1, 2017

    SUAVIDADE RIMA COM DUREZA

    É conhecida a dificuldade em executar certas tarefas enquanto se utilizam umas luvas pesadas e grossas. Destreza, sensibilidade e maneabilidade, são conceitos que estas luvas não conhecem. Mas a Ansell está a mudar este cenário.

    ...

  • 1

    Food & Beverage

    Mai 1, 2015

    Celebrate in russian style

    Taste the first and last word in luxury wine. Champagne might just be a single region in Northern France, but it's been making the most renowned sparkling wines for centuries.

    Popping the cork and toasting with sparkling, fizzy...