Helthcare & Wellness

Set 12, 2018

Cirurgia Estética

Várias áreas da medicina indicam claramente a grande importância de nos sentirmos bem dentro da nossa pele. E, ao contrário do que acontecia até meados do século XX, não é invulgar, hoje, encontrar pessoas do sexo masculino empenhadas em obter uma certa imagem que os faça sentir melhor dentro do invólucro que é o corpo humano.

<

Por JORGE MATIAS

Neste aspecto, o recurso à cirurgia estética, há muito que deixou de ser um exclusivo das pessoas do sexo feminino, como nos explica o Dr. Carlos Noronha, especialista em Cirurgia Plástica e Reconstrutiva.

Licenciado pela Faculdade de Medicina de Lisboa (Portugal) em 1993, fez o internato Complementar de Cirurgia Plástica Reconstrutiva e Estética no Hospital de S. José, em Lisboa, tendo trabalhado no Hospital Egas Moniz e no Centro Hospitalar de S. Francisco, em Lisboa. Actualmente, pode encontrar o Dr. Carlos Noronha na Clínica S. João de Deus, no Hospital St. Louis, em Lisboa, na Dreamfinder em Sacavém e na clínica Viva o Corpo em Luanda, Angola.

Tendo feito o Internato na área em que considerou estar mais vocacionado - a Cirurgia Plástica Reconstrutiva e Estética, no Hospital de S. José – trabalhou no atendimento a sinistrados e, na fase final, na cirurgia reconstrutiva ligada à obesidade, portanto a cirurgia reparadora. Depois foi ganhando interesse e curiosidade pela cirurgia plástica estética. É conveniente explicar que a cirurgia plástica visa reconstruir uma parte do corpo por razões médicas ou estéticas.

Naturalmente, direccionou-se para a segunda, onde também aconteceram mais oportunidades para desenvolver trabalho nesta vertente, nomeadamente, na cirurgia pós-obesidade, em Angola, e que é um trabalho profundo a nível corporal.

No Hospital de S. José nunca teve percepção de este ramo da medicina ser um negócio, mas no Hospital Egas Moniz, percebeu que a mentalidade era um pouco diferente, nesse aspecto e que saúde e negócio estavam mais presentes, embora não no sentido pejorativo. 

Diz não ter acesso a valores concretos, mas tem consciência que em Portugal a cirurgia estética não rende muito e, apesar de ter aumentado, ainda está muito aquém de outros mercados, para referir só a Europa. Até porque no Brasil e nos Estados Unidos, este tipo de cirurgia é muito frequente e, portanto, os valores são seguramente maiores, até pela dimensão destes países.

Procura dar todas as informações possíveis antes de avançar para um tratamento. Gosta de ter a certeza de que a pessoa está consciente do que vai fazer e do resultado possível, porque nem sempre o que o paciente pretende é viável. 

Começa por fazer uma avaliação e "criar um pacote" ajustado às necessidades e 'budget' da pessoa, porque mexer no corpo para ou aumentar ou reduzir algo, por exemplo, pode significar que outra parte do corpo ganhe mais ou menos relevo e que não permita que este fique harmonioso, fazendo com que o resultado não seja satisfatório. 

Para além disso, como é o próprio que trata dos materiais para serem seguros e certificados, e assim ter a certeza de que não há qualquer problema. Mantém sempre uma margem financeira para isso, e também para alguma complicação pós-operatória, sendo, portanto, tudo feito com transparência, conversado e acordado com o paciente. Por isso, procura dar soluções, em vez de vender tratamentos.

Em Portugal, as estatísticas mostram que os homens fazem cada vez mais tratamentos de Cirurgia Plástica, como a ginecomastia, rinoplastia e a blefaroplastia. Já as senhoras recorrem mais à mamoplastia de aumento, lipoaspiração, na sequência de uma gestação ou devido à idade. Nos Estados Unidos e Brasil, a tendência é a umbilicoplastia (correcção do umbigo), e a queiloplastia (lábios) devido à exposição em redes sociais. A chamada "silhueta Kim Kardashian", uma socialite norte-americana com a cintura fina e o rabo bastante proeminente, é muito procurada em Angola.

Aconselha, por isso, os interessados a informar-se sobre o cirurgião, formação e creditação, pois é mais difícil exigir responsabilidades a "especialistas" que não cumprem as regras do país onde operam. Também a acessibilidade é muito importante para que possa haver assistência aquando de uma complicação pós-operatória. E optar por um médico noutro país pode dificultar este processo. É importante escolher um médico recomendado por alguém que já tenha recorrido aos seus serviços e não embarcar em cirurgias 'low cost'.

É preciso não esquecer que, no final, é crucial não prejudicar o funcionamento do organismo.

Mais artigos

DestaquesArtigos

  • Prokudin-Gorskii-02

    Culture & Art

    Mar 1, 2017

    SERGEI MIKHAILOVICH PROKUDIN-GORSKY - UM HOMEM ESPECIAL

    A entrada de um novo século traz sempre motivações adicionais para experimentar e explorar novos mundos e novas técnicas. Algumas acabam por se mostrar vãs e até fúteis. Outras, contudo, provocam verdadeiras revoluções na...

  • Chipre1

    Lifestyle & Travel

    Abr 30, 2018

    SONHAR COM O VERÃO

    E se, em 2018, viajasse pelos cinco cantos do mundo? É difícil eleger os locais mais bonitos, mas preparámos uma lista com cinco destinos ricos em história, cultura e paisagens únicas que não vai querer perder!

  • AdobeStock_112601508

    Research & Education

    Jun 1, 2017

    Ciclovias que brilham

    Até há relativamente pouco tempo os materiais que brilham no escuro não tinham funções que fossem muito além do prazer decorativo. Mas a luminescência foi conquistando aplicações mais utilitárias e hoje, literalmente, está...


  • prototipo-de-drone-ambulancia_488971

    Technology

    Ago 1, 2017

    É um pássaro?... É um avião?... É um drone!

    Capazes de captar imagens dos locais e ângulos mais inacessíveis e inesperados, os drones estão cada vez mais acessíveis aos adeptos de novas tecnologias com gosto por vídeo e fotografia. 

  • Cogumelos01

    Food & Beverage

    Mai 1, 2017

    Do Mosto ao Gourmet

    Alex Villeneuve, com apenas 21 anos e prestes a tornar-se mestre cervejeiro pela Olds College, ao aperceber-se da quantidade de mosto (o que sobra dos cereais após a fermentação da cerveja) cujo único destino era o lixo, achou...

  • DSC00353

    Food & Beverage

    Jun 1, 2017

    DELICADA DOÇURA

    Apesar das suas vastas potencialidades terapêuticas, a fruta pinha ou fruta-do-conde, do Lobito, Angola, continua a ser subestimada e "tratada" como um produto de terceira qualidade. 


  • Prince William Sound. ©Tiago Cardoso Pinto

    Lifestyle & Travel

    Nov 30, 2015

    Alaska fantástico

    Quando pensamos em Alaska são muitas as imagens que podem surgir na mente. Paisagens infindáveis de zonas selvagens, espantosas vistas de glaciares, fiordes e animais selvagens à solta. O Alaska é um lugar de muitas maravilhas e...

  • Cigar Cutter

    Luxury & Fashion

    Dez 1, 2014

    Cult objects

    Over time, the S.T.Dupont lighter, the emblematic product of the famous house, has become a cult object passed down from generation to generation.

  • woll

    Business & Industry

    Jun 1, 2015

    Naturally soft and warm

    Merino, probably the best type of wool one can find. New Zealand produces and exports the wool of more than 50 million sheep, transformed in yarn and clothing. Twenty years ago, New Zealand Merino Company decided to change the traditional...